Pular para o conteúdo principal

O melhor texto que você vai ler hoje!

O relógio bate e bate as horas e ninguém se importa, o tempo virou só mais um objeto decorativo ou corporal. As pessoas se importam muito com muita coisa sem sentido, como por exemplo a vida das outras almas. Me falaram uma vez que ninguém teria realmente coragem de se matar. Bem, provei o contrário. Enquanto eu abria o armário pela terceira vez pra tomar a quarta dose de cápsulas não sei do que, só consiga ouvir o sangue correndo em minhas veias e o ponteiro do relógio mudando de posição a cada segundo que passava. Quando cheguei no quarto, não esitei, pegue meu porta retrato e quebrei na mão. Olhando aquele rosto de mim mesmo, porém uma versão mais nova, só consiga pensar nas decepções pessoais que sofri a cada um. A cada esmurrada que eu dava, era um pensamento suicida diferente que passava pela minha cabeça, a cada desmaio, era um sonho de um mundo sem mim, um mundo melhor, a cada lágrima que  escorria do meu rosto, era um ácido no meu coração de gelo, a cada mensagem de socorro que eu mandava, era mais um grito por ajuda, mas ninguém ouvia. As inspirações são ouvintes que nunca respondem, ou menos nesse caso. As particularidades da vida pertencem a você, e somente a você. O olhar é ama janela da alma vendo o mundo e como ele é horrível, com medo de sair de casa que mais parece eu. Sinto saudades dos abraços, beijos, bom dias e esperanças de uma resposta na hora. Brinco, sorrio e rio, mas não é totalmente assim, não é exatamente assim como eles o me vêem, sou de uma forma diferente, mais morta, mais séria e vazia, uma forma que só uma pessoa conhece, mas não se importa o quanto chora por fora. O trem que segue, a vida envelhece, os amores? Esquece, tudo apodrece e nada se esquece, mas nem tudo permanece. Quando eu corro não quero parar, quero continuar pra sempre correndo, indo lugares onde nunca vou poder ir realmente. Quero continuar com a minha cabeça vazia, quero continuar sendo eu mesmo nos texto, e não fingindo ser outra pessoa pessoalmente comigo mesmo. Como alguém caçando borboletas, fico perdido dentre tantas cores da vida, porém a minha se resume a três; preto ,cinza e branco. Sei que não sou especial pra ninguém apesar de falarem toda vez que me conhecem ou mando alguém ler meus textos expressivos e sinceros. Não gosto de mim mesmo, me acho um substituto pra outra pessoas mais importantes ou melhores. "Ninguém é melhor que ninguém" não aos olhos fechados movidos pela minha cabeça, as pessoas se preocupam demais com os outros e menos com elas mesmas, e se for realmente assim, não sou uma pessoa, e sim algo incapaz se sentir qualquer coisa por alguém. Substituir uma pessoa por alguma loucura é certo? Deixar-lhes de lado é certo? O que estou fazendo comigo mesmo é certo? Eu me rendi, eu me rendi, eu me rendi , eu me rendi , eu me rendi , eu me rendi , eu me rendi , eu me rendi, eu me vendi, eu me senti ,eu me distrai, eu cai e nunca mais voltei. Eu nunca senti nada, nunca senti nada. "Conte comigo sempre" disse um viajante que nunca mais voltou para me contar. Quero ser vendido como um deus e comprado como um presente pro inferno. O amor entre um psicopata e uma suicida é lindo, ele mataria por ela, e ela morreria por ele.

Quem gostou do texto, dá uma olhadinha no blog do meu amigo Mauro, super amo os textos dele!

https://loucosem.blogspot.com.br/

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Um breve resumo sobre mim!

Eu não sei muito bem como me definir, mas eu acho que não sou uma má pessoa, talvez só quando eu quero KKKKK. Eu sou loira, não muito e não pouco, sou um meio termo, meu cabelo não é totalmente liso nem totalmente ondulado, acho que em praticamente em tudo sou um meio termo.
Uma coisa eu tenho certeza, não quero ser mais um tijolo na parede, quero ser diferente, quero ter minha própria identidade, que quando alguém lembre de mim, quero que lembre coisas boas, ou ruins, isso não importa, o meu objetivo é ser diferente, é mostrar que não temos mais padrões...
Eu agora estou com um "projeto" de tentar ser uma pessoa melhor, não sei bem como fazer isso, mas quero ser positiva, até porque​ já existe pessoas demais espalhando sensações negativas!
Eu tenho um gosto musical muito eclético,às vezes canto sertanejo, às vezes só quero ouvir Indie, ou um rock, ou relaxar com uma MPB ou reggae... Só não suporto samba!!!!! Hahahah.
Em breve posto mais!

O Motivo que Me fez Fazer esse Blog...

Bom... Eu não sei o real motivo, mas eu acho que eu preciso de algo que me inspire, e me dê algum tipo de ânimo. Não sou uma profissional em letras, nem sei muito bem escrever, mas eu acho que só me deu vontade de ter uma nova experiência, ... Hahaha... E sinceramente acho que ninguém vai ler isso. Mas me ajuda desabafar!

Feminismo

Quem me conhece sabe o que eu penso, mas vou deixar um texto mostrando minha opinião pra quem não me conhece... Eu não acho que essas feministas atuais representam de verdade o feminismo, não acho que isso seja o verdadeiro feminismo , eu acredito no feminismo Original.  se suas atitudes cotidianas preservam e carregam o machismo, se você estigmatiza “mulher pra casar” e “mulher pra pegar”, se você estigmatiza que “isso é coisa de menina” e “isso é coisa de menino”, se você ainda acredita que lugar de mulher é dentro de casa, se você acha um absurdo uma mulher ter vários parceiros sexuais, pois ela é mulher tem que se dá o valor, não é mesmo? Quanto absurdo em pleno século XXI.

Paremos com a hipocrisia, vamos admitir que vivemos em um país machista, misógino, homofóbico e racista, e que o dito “sexo frágil” de frágil não tem nada, sejamos feministas como Lucretia MottSimone de BeauvoirFrida KahloDjamila Ribeiro, Luana Tolentino entre outras milhares que fizeram ou fazem da luta…